Eu Li: Um Mais Um | Jojo Moyes

To aqui firme e forte na minha meta de ler mais em 2018 e completar o ano com pelo menos 12 livros lidos. A resenha de hoje é de um dos livros mais lindos que já li: Um Mais um da Jojo Moyes.

Sinopse: Um dos livros mais divertidos de Jojo Moyes, Um mais um conta a história de um romance imprevisível entre uma mãe solteira falida e um geek milionário. 
As coisas andam ruins para Jess Thomas. Muito ruins. O marido se mandou. Ela tenta sustentar os dois filhos trabalhando em dois empregos. Sempre foi otimista. Sempre fez tudo certo. Como seria se, só uma vez, ela fizesse algo definitivamente errado, mas que poderia fazer toda a diferença para eles? Ed Nicholls é um milionário do ramo da tecnologia cuja vida está desmoronando quando ele se depara com Jess e a família na beira da estrada. Em um ato de generosidade (talvez o primeiro de sua vida), ele concorda em lhes dar a carona que poderá mudar para sempre a história de Jess. Tem início então uma viagem engraçada e romântica, repleta de enjoos, comida ruim e engarrafamentos. 
Em Um mais um os opostos se atraem e duas pessoas ferozmente independentes aprendem que é possível encontrar o amor nos lugares mais improváveis. Jojo Moyes mostra seu melhor nesse livro envolvente e emocionante, relançado agora pela Intrínseca com capa inspirada na identidade visual de todas as obras de sucesso da autora.

Livro Um Mais Um da Jojo Moyes - Giuli Castro

Confesso que depois do ultimo livro da Jojo que eu tinha lido  – Paris para um e outros contos – eu não estava muito animada com este.

Porém, conforme eu ia lendo, ia me apegando a Jess e aos seus filhos e não conseguia parar de ler. Me apeguei ate a Ed Nicholls, coisa que achei que não fosse acontecer.

O livro é super atual, trata de todos os problemas de pessoas comuns no seu dia a dia. É um romance daqueles que a gente ou pessoas ao nosso redor vivem todo dia com namorado (a), marido/esposa, etc.

Apesar de ser um romance, ele é zero previsível. Durante a história, muitas coisas dão errado – como acontece nas nossas vidas- mas de um jeito que te instiga a continuar lendo e não de um jeito entediante. Jojo soube muito bem como escrever um romance super pé no chão sem que fosse cansativo.

Jojo me surpreendeu mais um vez e esse, com certeza, está na minha lista dos 3 favoritos que ela escreveu.

“A lei da probabilidade combinada com a lei dos grandes números estabelece que, para vencer as dificuldade, de vez em quando temos que repetir algumas vezes um acontecimento para conseguir o resultado almejado. Quanto mais se faz, mais perto se chega. Ou, como explico para a minha mãe, ás vezes, basicamente só precisamos insistir.” – Minha passagem favorita do livro

Amei muito esse livro e fiquei morrendo de dó quando ele acabou. Queria mais! Queria um filme! Com certeza, estaria no cinema no dia do lançamento! hahaha

Eu já falei de vários outros livros da Jojo Moyes aqui no blog:

Quem já leu?! Qual livro vocês estão lendo?

Para quem não sabe, eu tenho uma conta do Good Reads e no Skoob. Quem quiser saber os livros que já li ou estou lendo e quiser interagir comigo, é só me adicionar por lá {clicando nos nomes dos sites aqui em cima, vocês já serão redirecionados para o perfil}.

Beijos!

Se cadastrem no Méliuz! Além de cupons desconto, você recebe parte do seu dinheiro de volta. Tem muita loja legal cadastrada! Vale a pena!

Resenha: Primer Pore Filler | NYX

Já faz um tempinho que não falo sobre primer para pele, né?! Venho testando alguns e hoje vou falar de um que comprei em NY ano passado {mas vende aqui no Brasil também e por um preço mara!} e estou adorando, o Pore Filler da NYX.

resenha-primer-pore-filler-nyx-giuli-castro

Segundo a marca, o Pore Filler tem vitamina E na fórmula que ajuda a minimizar a aparência dos poros e preparar a pele para a aplicação da maquiagem. A fórmula não tem óleo ou talco.

Antes de começar, se você é novo aqui no blog, minha pele é normal e com tendência a oleosidade na área central do rosto quando está muito quente.

Começando pela embalagem, é uma bisnaga de plástico branco com detalhes escritos em preto. Bem bonita e minimalista. Como é branca, suja bastante com maquiagem, mas basta um algodão com demaquilante ou agua micelar que limpa tudo. A embalagem não tem textura e nem é emborrachada, então é super fácil de limpar.

A cor dele é nude, um bege bem clarinho, parecido com o Porefessional da Benefit. A textura também é parecida com o Porefessional, é aerada, parece que tem bolinhas de ar na fórmula.

resenha-primer-pore-filler-nyx-giuli-castro

A aplicação é super simples.  Depois de lavar e hidratar o rosto, aplico o produto do centro do rosto para as extremidades do rosto, esfumando bem para não ficar marcado. Quando aplico, sinto um pouco de textura de silicone, ele escorrega. Por isso, é muito importante não colocar muito produto e espalhar bem. Caso contrario, a base e corretivo também vão escorregar e buracos se formarão na sua pele com o tempo.

Ou seja, usem pouco produto e espalhem bem para ele aderir bem na sua pele e a maquiagem também.

resenha-primer-pore-filler-nyx-giuli-castro

Eu não consegui tirar uma foto boa no rosto, mas na foto acima ele está espalhado no dorso da minha mão. Se vocês compararem a segunda foto com esta, acho que conseguirão perceber que ele disfarça muito bem as linhas da pele. E eu consigo perceber bem que ele disfarça os poros do rosto também.

resenha-primer-pore-filler-nyx-giuli-castro

Composição

O que eu achei?!

Eu acho que é um ótimo primer, com um excelente custo benefício. Acho que ele minimiza bem os poros e a maquiagem fica no lugar direitinho, por muitas horas. Eu já usei em dias bem quentes e dias mais frescos e achei que ele se comportou muito bem em todas as temperaturas.

Acho também que ele é muito parecido com o Porefessional da Benefit em tudo. Desde a cor, textura até o resultado. Acho que os dois disfarçam bem os poros.

Eu paguei $13.99 em NY e aqui no Brasil, nas lojas da NYX ele custa por volta de R$70. Tentei ligar nas lojas para confirmar o preço, mas nenhuma loja atendeu o telefone :(

Atualização: NYX Brasil me respondeu dizendo que ele está disponível em todas as lojas do Brasil por R$65. Mais barato ainda do que eu tinha achado.

Eu já fiz um vídeo com meus primers favoritos, mas ainda não conhecia o Pore Filler da NYX. Com certeza, se eu já conhecesse, ele estaria neste vídeo.

Já usaram?! Qual o primer favorito de vocês?!

Beijos!

PS: Só para efeito de comparação, o POREfessional da Benefit está R$169 na Sephora.

 

Minhas Férias na Disney: Roteiro dos Parques e Fast Pass

Com tudo comprado, agora é hora de pensar no roteiro. Como você quer dividir os dias de parque e os dias de compras?! Uma coisa importante é que durante a viagem podem acontecer imprevistos e o seu roteiro precisar ser mudado. Mas se você tiver ele pronto, é mais fácil de acompanhar e saber o que já foi feito e o que não foi feito.

Pandora Falls_AnimalKingdom_GiuliCastro

Animal Kingdom – Pandora -Mundo de Avatar

Antes de mais nada, baixem os aplicativos da Disney {para baixar no IOS e Android} e da Universal {para baixar no IOS e Android}. Eu usei muito mais o aplicativo da Disney do que o da Universal, mas acho importante ter os dois.

aplicativo-disney-my-experience-roteiro-disney-giuli-castro

aplicativo-universal-studios-roteiro-disney-giuli-castro

No aplicativo da Disney, você pode ver as suas fotos se você tiver comprado o Memory Maker {falei sobre ele no post passado}, pode fazer e acompanhar as suas reservas de restaurantes, acompanhar as filas em tempo real, ver os mapas e muito mais.

O aplicativo da Universal, nós usamos muito o mapa e para acompanhar o tempo de espera das filas.

Para montar o roteiro, nós usamos uma planilha de excel. Você pode o que aplicativo ou o programa que estiver mais acostumado. Nós dois somos muito fãs do excel e sempre usamos para planeja todas as nossas viagens. Depois do roteiro para o meu email e consigo acessar pelo celular de qualquer lugar.

planilha de roteiro dos parques da Disney e Orlando

Para montar esse roteiro, primeiro fomos atrás dos calendários sobre as lotações dos parques. Por que, né?! Quem gosta de pegar parques lotados e filas gigantescas? Ninguém! hahaha. Blogs especializados em Disney disponibilizam esses calendários, geralmente, 3 meses antes. Mas vale sempre ficar de olho. Eu usei o calendário do Blog da Andreza Dica e Indica e deu super certo.

Mas por que esse calendário vai me ajudar?! Ele mostra a média de lotação de todos os dias do mês. Alguns parques são mais cheios aos sábados e domingos, outros em algum dia da semana, etc. Isso vai te ajudar a não ir nos parques super lotados. Claro que eles não são 100% certos, mas comigo funcionou super bem.

Eu peguei só um parque lotado, insuportável, que o foi o Magic Kingdom no dia 16/10. Mas nós sabíamos que isso poderia acontecer porque neste dia não tinha a festa de Halloween e o parque ficou aberto no horário normal e os fogos de encerramento aconteceram normalmente. Como a maioria das pessoas não vão a festa de Halloween e querem ver os fogos de encerramento, esses dias são sempre muito mais cheios. Porém, a gente tinha o ingresso da festa de Halloween para o dia 22/10 e mais um ingresso extra. Ou seja, não ia nos atrapalhar, caso a gente não conseguisse fazer as coisas. E não conseguimos mesmo. No dia 16/10, fomos somente nos brinquedos que tínhamos Fast Pass e ficamos quase 2h na fila da montanha-russa dos 7 anões. Aproveitamos para tirar várias fotos e comemos várias coisas gostosas que tem por lá {vou fazer um post sobre as comidinhas em breve!}

Epcot-Disney-Giuli-Castro

Epcot

A gente não tinha muitos dias livres e só deixamos 1 dia completo livre para as compras. As outras compras encaixamos em outros dias que sabíamos que o parque fecharia cedo ou que a gente não queria ficar até o fim do dia, como o Volcano, o Sea World, etc. Deu muito certo e repetimos outlets, Target, Walmart, Ulta e os shoppings. Se você tiver mais dias livres, você pode organizar melhor as suas compras. Importante lembrar também, que eu estava voltando de NY e não tínhamos planejado tantas compras assim. Mas de qualquer forma, conseguimos ver tudo.

Como eu comentei, mesmo com todo o roteiro organizado, algumas mudanças podem acontecer. Por exemplo, no dia 18/10 estava marcado para a gente ir no Sea World. Porém, quando chegamos lá, das 3 montanhas-russas {que eram nossos únicos interesses no parque} estava fechada para manutenção. Então, tivemos que reprogramar e fomos para o Animal Kingdom. Isso significa que eu não teria nenhum fast pass previamente agendado para este parque para o dia 18, já que eu tinha agendado tudo para o dia 20.

Mas então o que eu fiz?! Entrei no aplicativo da Disney e entrei no Animal Kingdom para ver como estavam as filas e se tinha algum fast pass para marcar. Para a nossa surpresa, o parque não estava cheio e as filas estavam bem tranquilas e conseguimos alguns fast-pass. Para vocês terem ideia, em outubro fazia uns 3-4 meses que a Pandora -Mundo de Avatar- estava aberta e as filas gigantescas e a gente ficou menos de 1h30min na fila. Foi muito mais rápido do que esperávamos.

Magic Kingdom - Disney - Giuli Castro

Magic Kingdom

Agora vamos ao Fast-Pass! Mas o que é um Fast-Pass?! Ele é praticamente um fura-fila agendado grátis. Você tem direito a marcar 3 brinquedos na primeira vez. Depois, quando você estiver no parque e já tiver usado os 3 fast-pass agendado previamente, você pode marcar mais um. Depois que você usar este, você pode marcar outro e assim por diante. O pulo do gato aqui é tentar marcar os 3 primeiros para o período da manhã, para você conseguir marcar outro para a tarde. Se você marcar dois fast-pass de manhã e o outro as 18h, você só vai poder marcar outro depois de usar esse das 18h.

Eles disponibilizam a agenda do fast-pass 30 dias antes. Porém, se você estiver hospedado no complexo disney, você pode agendar com 60 dias antes. Você entra no site da Disney ou no aplicativo, escolhe o dia que você planejou para ir ao parque e já agenda. Ele fica vinculado ao seu ingresso ou magic band. Chegando no brinquedo, você vai para a fila exclusiva de Fast-Pass e vai passar seu ingresso ou magic band e ele deixa você entrar.

fast-pass-disney-app-giuli-castro

Na minha experiência, como eu não fiquei hospedada no complexo, os brinquedos mais novos e mais concorridos já não tinham mais fast-pass disponível para o dia que eu fui. E olha que a gente agendou com 30 dias certinho, bem cedo. Mas é comum não conseguir os mais concorridos e ai, você tem duas opções: ficar entrando todo dia para ver se alguém desistiu e você consegue pegar ou enfrentar a fila. De todos que a gente não conseguiu, inclusive os novos do Pandora – Mundo de Avatar no Animal Kingdom, a pior fila disparada foi da Montanha-Russa dos 7 anões.

Nos parques da Universal, Sea World e Busch Gardens não tem fast-pass gratuito. Porém, eles vendem lá na hora. Se você chegar e ver que as filas estão muito grandes, é só ir em um quiosque ou bilheteria e comprar. São dois tipos: o ingresso que você só pode ir uma vez em cada brinquedo furando a fila e o outro que você pode repetir quantas vezes quiser o mesmo brinquedo. Eles tem valores diferentes. Nós não precisamos comprar porque os dias que fomos, os parques não estavam muito cheios.

Gostaram?! Espero que este post ajude vocês a planejarem a viagem dos sonhos!

Para quem não viu, já escrevi outros dois posts:

1- Minhas férias na Disney: Planejando! Primeiros Passos!

2- Minhas férias na Disney: Planejando! Ingressos!

Se ainda tiver ficado mais alguma dúvida, é só deixar nos comentários, ta?!

Beijos!