Eu Li: Underground Railroad – Os caminhos para a Liberdade | Colson Whitehead

Eu e o Renato, as vezes, escolhemos livros para ler juntos. Eu escolhi O Conto da Aia e a ultima vez, ele escolheu o Underground Railroad – Os caminhos para a liberdade.

Esse livro ganhou o Man Book Booker Prize e autor best-seller do The New York Times. Estava super animada para ler.

Sinopse: Cora é uma jovem escrava em uma plantação de algodão na Georgia. A vida é infernal para todos os escravos, mas especialmente terrível para Cora. Uma pária até entre outros africanos, ela está chegando à maturidade, que a tornará vítima de dores ainda maiores. Quando um recém-chegado da Virgínia, Caesar, revela uma rota de fuga chamada, a ferrovia subterrânea, ambos decidem escapar de seus algozes. Mas nada sai como planejado. Cora e Caesar sabem que estão sendo caçados: a qualquer momento podem ser levados de volta a uma existência terrível sem liberdade.

Livro Underground Railroad

Esse livro conta a história sobre a escravidão nos Estados Unidos. Eu nunca tinha lido nenhum livro sobre isso e me interessou bastante.

A história em si do livro é muito boa e não tem como não se apegar a Cora, a personagem principal. Porém achei a narrativa muito complicada, e as vezes ficava perdida na história. Muitos personagens, muitas idas e vindas no tempo.

Acho que como tudo que é História {como H maiúsculo}, mesmo que contada em forma de ficção como esse livro, deve ser lido. A gente aprende bastante e se educa para que nunca mais esse tipo de coisa aconteça novamente. Você viver para buscar a liberdade, que deveria ser um direito de todos desde sempre, beira o absurdo. Não é uma coisa que você deveria viver para buscar só por causa da sua raça ou cor da pele. Cor da pele e raça não faz ninguém diferente de ninguém.

Tem cenas fortes no livro, por muitas vezes, eu precisei parar para respirar de tão indignada que fiquei. A gente escuta falar sobre os absurdos que aconteciam durante o período escravocrata dos países, mas quando você lê ali uma história, é impossível não imaginar como foi e se indignar ainda mais.

Apesar de não ser o meu tipo de narrativa favorita, é um livro bastante reflexivo. Eu gostei muito da história e recomendo sim.

Para quem não sabe, eu tenho uma conta do Good Reads e no Skoob. Quem quiser saber os livros que já li ou estou lendo e quiser interagir comigo, é só me adicionar por lá {clicando nos nomes dos sites aqui em cima, vocês já serão redirecionados para o perfil}.

Alguém já leu?! O que achou?!

Sempre me perguntam se eu gosto do Kindle e porque eu resolvi comprar. Eu fiz um vídeo bem completo, contando quais são as vantagens e desvantagens dele, na minha opinião. Vocês já viram?

Beijos

 

Para compras na Saraiva pelo link acima, você pode usar o cupom REWARD10 e ganhar 10% de desconto em livros {exceto livros didáticos, digitais e importados} e também pode usar o cupom REWARD20 e ganhar 20% de desconto em livros digitais.

Se cadastrem no Méliuz! Além de cupons desconto, você recebe parte do seu dinheiro de volta. Tem muita loja legal cadastrada! Vale a pena!

 

Faça um comentário

Comentários