Esmalte da semana: Psico

Voltando a programação normal, o esmalte escolhido para esta semana foi um roxinho metálico que estou apaixonada: Psico da Coleçao da Isabeli Fontana para Risqué. Este esmalte não é lançamento, muito pelo contrario, foi lançado em 2011. Porém, ainda está disponível no site da Risqué e deve ter em perfumarias para vender.

No geral, eu gostei do esmalte e estou encantada com a cor. Entrei numa onda de metálicos agora, não sei porquê. Fora que roxos e azuis são minha cores preferidas, né?! Mas vem comigo analisar o esmalte:

Textura: ele é ralinho, não tanto quanto os outros da coleção que já testei, mas é ralinho. Nota: 3.0

– Cor: roxo metálico, com 3 camadas é bem fiel ao vidrinho. Nota: 4.0

– Facilidade para passar: ele é ralinho, mas não mancha muito. Então não é muito difícil de passar. Para limpar é super tranquilo. Nota: 4.0

– Cobertura: como eu disse, ele é bem ralinho, mas com 2 camadas, ele já cobre a unha. Porém, fica um tom mais rosado e eu queria bem roxo e por isso passei 3 camadas. Mas foi tranquilo e secou rápido. Nota: 4.0

– Durabilidade: ótima. Estou com ele desde 6ª feira e não desgastou ou lascou nenhuma pontinha. Usei o Top Coat Colorstay da Revlon para finalizar. Nota: 5.0

Nota Final: 4.0. Lembrando que a nota máxima é 5.0

Psico_03

E ai, o que acharam da cor?! Ja usaram este esmalte?

Beijos

Esmalte da Semana: Relax da Penépole e Radiant

Apesar de todo o sofrimento do jogo de sábado, passamos para as quarta-final e o tema Copa do Mundo continua bombando por aqui no blog e nas minhas unhas. Para semana passada, escolhi fazer uma filha única com um esmalte de glitter que tenho aqui há um tempão e nunca tinha usado. E sabem por quê?!

Primeiro porque esmaltes de glitter são sempre bem difíceis de tirar e ficamos com glitter por todo o corpo, né?! E outra, porque esmaltes de glitter são sempre ralos e os glitters ficam sempre todos muito espalhados e nunca ficam com acabamento perfeito, né?! Mas, para este ultimo problema, achei uma solução. Vem comigo!

Para passar esmaltes com glitter e deixar a cobertura top, sem precisar usar nenhum outro esmalte por baixo, é bem simples. Sabem aqueles pincéis de esponjinha de sombra?! Então, é só colocar um pouquinho do esmalte ali que a esponjinha vai absorver o esmalte transparente e só o glitter vai ficar por cima. Depois disso, vc vai carimbando a unha toda pu parte dela e fazer ombré. Pode fazer diversas vezes. Quando achar que o pincel está encharcado, é só tirar o excesso no papel toalha.

IMG_6276

 

Bom, depois disso, me animei total e queria fazer todas as unhas de glitter, mas me contive fiz só a filha única nos dedos anelares. Para a filha única, escolhi o Radiant (441) da Revlon e para as outras unhas, escolhi o Relax da Penélope da Risqué. Sim, é um esmalte clarinho, tom pastel e sim, eu adoro sofrer para passar esmaltes hehehe. Mas chega de conversa e vamos as notas?

Radiant (441) – Revlon

– Textura: O esmalte é transparente com glitters. Passando com esta técnica que comentei acima, ele fica mais grossinho. Nota: 4.0

– Cor: glitter azul e prata. Com esta técnica acima, fica igual ao vidrinho. Nota: 5.o

– Facilidade para passar: para passar com o pincel de esponjinha é muito fácil e rápido. Porém, para limpar é como qualquer esmalte de glitter, um parto. Ele não suja muito, mas parece que o glitter vai fugindo de vc e quando você vê, toda a sua mão está cheia de glitters hahahaha. Nota: 3.5

– Cobertura: com a esponjinha, ele cobre super bem a unha. Nota: 5.0

– Durabilidade: como na pele, os glitters também grudam nas unhas né?! Durou os 6 dias intactos.. Usei Top Coat Colorstay da Revlon.Nota: 5.0

Nota final: 4.5 Lembrando que a nota máxima é 5.0

Relax da Penélope– Risqué

– Textura: como a maioria dos esmaltes clarinhos e leitosos, eles são cremosos, mas aguados. Nota: 3.0

– Cor: é um azul clarinho, leitoso. Super fiel a cor do vidrinho. Nota: 5.o

– Facilidade para passar: como todos os leitosos que eu já usei e que muita gente comentou no esmalte da semana passada, é muito dificil de passar. Achei esse bem menos difícil que os 3 que usei na outra semana, mas mesmo assim, bem dificil. Mancha bastante nas duas primeiras camadas, mas na terceira camada, consegui um acabamento melhor. Nota: 3.0

– Cobertura: como o Blue agoon, a cobertura é bem ruim. Precisei de 3 camadas para chegar em uma cobertura mais aceitável e menos manchada. Nota: 2.0

– Durabilidade: no quarto dia começou a lascar os cantinhos. Mas como não foram muitos, me segurei para tirar tudo com 6 dias. Deu certo. Usei Top Coat Colorstay da Revlon.Nota: 3.5

Nota final: 3.3 Lembrando que a nota máxima é 5.0

Esmalte copa_04

E ai, gostaram da minha ousadia?! hehehe Vcoês também estão em clima de copa nas unhas?!

Beijos

 

Esmalte da Semana: Azulcrination

Na semana de abertura da Copa do Mundo, eu nao poderia escolher um esmalte que não fosse azul, verde ou amarelo, né?! Quando fui escolher, peguei todos os esmaltes que tenho destas core, achando que seria uma missão fácil. #sabenadainocente. Porém, não sabia que tinha tantos esmaltes destas cores, fiquei em dúvida e até postei no instagram {se nao me segue ainda, aproveita para seguir e ficar sabendo de tudo em primeira mão}.

esmalte_copa

 

Não conseguirei usar todos em 1 mês, mas podem esperar muitos esmaltes com cores brasucas nas proximas semanas! Como não sou muito fã de nailarts em mim e nem tenho coordenação para fazê-las, escolhi usar só as cores mesmo e para cada uma destas 4 semanas vou escolher algum destes daí de cima. Quem quiser, pode dar pitaco nas cores das proximas semanas, ok?!

Voltando para a semana de abertura, a minha escolha foi o Azulcrination. Já tinha usado este esmalte há muito tempo, láaaa em 2011 e depois disso, ficou esquecido na esmalteca. Como na época que usei eu ainda não dava notas e estrelinhas para os esmaltes, achei que valia a repostagem dele por aqui. E sabem o que eu confirmei? Eu aperfeiçoei muito na arte da esmaltação… hehehehe.

– Textura: super hiper mega ralinho, com uma camada fica um transparente azulado de tãoa aguado.. Nota: 2.5

– Cor: azul metálico. No vidrinho, ele parece um azul escuro metalico, porém para chegar nesta cor, precisei de 4 camadas {a foto do vidrinho ficou mais clara do que ele é ao vivo}. Com duas camadas, ele fica um azul esverdeado, que eu não gostei muito. Com 3 camadas, ele já menos esverdeado, porém para chegar na cor do frasquinho, precisei de 4 camadas. Apesar de achar a cor linda, não achei fiel ao vidrinho. Nota: 3.o

– Facilidade para passar: como comentei acima, ele é super ralinho e mancha muito. Para chegar na cor e cobertura ideal precisei de 4 camadas. Ou seja, é bem complicadinho de passar. Porém, mesmo sendo azul, é super facil de limpar. Como é super ralinho, não mancha a pele. Achei super fácil. E foi aqui que confirmei como melhorei na esmaltação. Lá em 2011, eu estava apenas começando a fazer minhas unhas {antes disso, eu fazia só na manicure} e sujei muito meus dedos e deu maior trabalho para limpar. Já agora, em 2014, foi super facil! Ou seja, a técnica conta muito também, ne?! Nota: 3.5

– Cobertura: Meu Deus! Se existe um esmalte de cor forte sem cobertura, este esmalte chama-se Azulcrination. A primeira camada fica completamente transparente, na segunda não cobre bem também, na terceira começa a ficar melhor e já dá até para parar por aqui. Porém, eu queria ver como ficava com mais uma camada {como ele é bem ralinho, 4 camadas não deixa grosso}. Achei que com 4 camadas, fica com cor e cobertura ideiais. Nota: 3.0

– Durabilidade: achei muito boa. Em 5 dias, só saiu uma pontinha bem pequena, que quase nem dá para perceber. Como sempre comento, usei o Top Coat Colorstay da Revlon e acho que sim, ele é super responsável por toda essa duração dos esmaltes nas unhas. Porém, como sempre uso ele, consigo saber quais duram mais do que os outros. Nota: 4.5

Nota final: 3.3. Lembrando que a nota máxima é 5.0

azulcrination_finalE ai, ja estao prontas para a Copa? Qual cor escolheram?

Beijos